01/03/2012

Subsecretário de mineração participa de encontro com deputados e representantes do setor

O subsecretário de Mineração, José Fernando Bruno, participou hoje de reunião da Frente Parlamentar de apoio à Mineração, na Assembleia Legislativa. Para uma plateia composta por deputados e representantes do setor – sindicatos, associações e cientistas, entre outros – ele destacou o papel da Secretaria de Energia na elaboração de políticas públicas e a criação de um marco regulatório da mineração do estado de São Paulo.

“Temos que discutir as áreas de desenvolvimento do setor de mineração nas regiões metropolitanas. Nosso papel é também o de fiscalização, propriamente dito, mas também o controle das atividades minerárias no estado no que tange ajuda e parceria na parte ambiental e tributária. Esses são os pontos fundamentais da subsecretaria de mineração”, disse José Bruno.

Sob o aspecto ambiental, o subsecretário ressaltou a importância de um maior entrosamento nessa questão. “Temos que buscar, junto com a Secretaria do Meio Ambiente, formas de dar sustentabilidade nos projetos de exploração de lavra, quer na areia, na argila, na brita, ou qualquer outro produto mineral. O que está faltando é conversa entre os órgãos do estado em se buscar um senso comum”.

Ainda para este mês serão preparadas resoluções conjuntas entre as pastas e realizada a entrada da subsecretaria de Mineração em comissões e câmaras técnicas nos diversos setores, como na secretaria de Ciência e Tecnologia, do Meio Ambiente e do Desenvolvimento.

“O objetivo é fazer com que a subsecretaria participe da discussão do setor minerário para dar o ponto de vista da Secretaria de Energia sobre o assunto quer no desenvolvimento regional, quer no processo de licenciamento ambiental, adequando a uma nova realidade, a uma nova necessidade. O estado de São Paulo cresce, ele é a locomotiva deste país e não pode parar”, afirmou.

À tarde o subsecretário falou novamente sobre esses temas para os membros do Comitê de Cadeia da Indústria Mineral na Federação das Indústrias de São Paulo, composto principalmente por representantes de sindicatos do setor.