27/09/2012

Prazo para setor é “pegadinha”, diz secretário

O prazo para as empresas do setor elétrico manifestarem interesse na renovação de suas concessões é “pegadinha”, diz secretario paulista de Energia, José Aníbal.

Segundo a medida provisória que regulamenta o tema, as empresas tem até 15 de outubro para se habilitar para a renovação. O valor das tarifas e das indenizações pelos ativos não amortizados, porem, só será divulgado em novembro.

Aníbal, que esteve reunido ontem com o diretor geral da Aneel, Nelson Hubner, diz que o prazo não será adiado. As empresas poderão voltar atrás caso não concordem com os cálculos.

“Todos serão obrigados a se habilitar sem saber as condições.  Depois, se nos tiver interesse tudo bem, não renova. Aí vão dizer que as empresas não querem colaborar com a queda no preço da energia. É pegadinha.”