07/02/2013

Comitê gestor da cooperação Brasil-Itália define as atividades para 2013

O comitê gestor da cooperação entre a Secretaria de Energia e o Ministério do Meio Ambiente, Terra e Mar da Itália se reuniu nesta quarta-feira (6), para programar as atividades que serão desenvolvidas ao longo deste ano.

Essas iniciativas serão focadas em quatro áreas prioritárias: produção de bioenergia e energia distribuída no contexto do “smart cities concept”; eficiência energética e energias renováveis nas construções sustentáveis e nos transportes; sustentabilidade ambiental, em especial na Bacia de Santos e educação ambiental e formação no Estado de São Paulo.

A primeira dessas atividades será a realização de um seminário internacional, cuja data será definida em breve, para divulgar práticas sustentáveis para a eliminação e substituição da bifenila policlorada (ascarel) usada em transformadores. Na sequência, serão feitas pesquisas auxiliares em temas de transmissão de energia.

Para cada uma dessas atividades haverá um grupo de empresas e instituições parceiras, indicados pela SEE e também pelo ministério italiano. Como exemplo, para a atividade que diz respeito ao intercâmbio de boas práticas em transmissão energética sustentável, os parceiros são:

CESP (Companhia Energética de São Paulo), EMAE (Empresa Metropolitana de Águas e Energia), CTEEP (Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista), USP/IEE/Divisão Científica de Tecnologia de Sistemas Elétricos, Escola Politécnica da USP/ Departamento de Engenharia de Energia e Automação Elétrica, ENERQ (Centro de Estudos em Regulação e Qualidade de Energia) e a USP/IEE/Divisão Científica de Tecnologia de Sistemas Elétricos, ficando a coordenação com a CESP.

A cooperação entre a SEE e o ministério italiano foi assinada durante a Rio +20 e teve sua importância ratificada pelo embaixador da Itália no Brasil, Raffaele Trombete, em encontro realizado nesta terça-feira (5) com o governador Geraldo Alckmin e o secretário José Aníbal, no Palácio dos Bandeirantes.