04/09/2013

Secretário de Energia abre seminário da Associação Comercial de SP sobre aproveitamento de energia solar

O secretário de Energia, José Aníbal, participou nesta terça-feira (03), do “Seminário sobre Aproveitamento da Energia Solar (Painéis Fotovoltaicos)”, realizado pela Associação Comercial de São Paulo.

O secretário ressaltou que o governo de São Paulo já concede diferimento e suspensão de ICMS para a cadeia de insumos usados na fabricação de equipamentos solares (para aquecedores).

“Acredito que até 2020, a presença da energia a partir de painéis fotovoltaicos será ampliada na matriz energética brasileira”, comentou.

José Aníbal avalia que, assim como a geração a partir da biomassa de cana-de-açúcar, a solar tem a vantagem de permitir que a energia possa ser consumida no centro da carga.

Para ele, o governo federal deveria estimular esta modalidade, por meio de leilões regionais e específicos.

O secretário comentou ainda as condições favoráveis para este tipo de energia no Brasil, como a incidência solar, que é superior a da Alemanha, o país que tem o maior volume de sistemas instalados, com 24,7 GW. “Temos também abundância de silício, mineral base para a produção de painéis fotovoltaicos”.