11/10/2013

Governo de São Paulo discute 12ª rodada de gás terrestre com diretora-geral da ANP

O governador Geraldo Alckmin e o secretário de Energia, José Aníbal, se reuniram, nesta quinta-feira (10), com a diretora-geral da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), Magda Chambriard, para tratar da 12ª rodada, que vai oferecer áreas em São Paulo para exploração de gás terrestre.

O Estado terá cinco blocos na região da Bacia do Paraná licitados pela ANP no leilão marcado para 28 e 29 de novembro. A área total em São Paulo soma aproximadamente 11 mil quilômetros quadrados, localizados no Pontal do Paranapanema, entre os vales dos rios Paranapanema e Paraná. A distância mínima dos blocos para o gasoduto Brasil-Bolívia é de 28 quilômetros e a máxima, 180 quilômetros.

A expectativa do Governo de São Paulo é de atração de investimentos para o Estado, a partir do surgimento de novas bacias produtoras de gás natural e recursos petrolíferos. A 12ª rodada prevê a licitação de 240 blocos exploratórios em 12 Estados do país e foi autorizada pela Resolução no. 6 do Conselho Nacional de Política Energética, de 23/6/2013.