06/11/2013

Em Brasília, secretário de Energia participa de abertura de Frente Parlamentar pela Valorização do Setor Sucroenergético

O secretário de Energia do Estado de São Paulo, José Aníbal, esteve em Brasília com a secretária de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Monika Bergamaschi, o governador Geraldo Alckmin e o senador mineiro Aécio Neves, no lançamento da Frente Parlamentar pela Valorização do Setor Sucroenergético, na tarde desta terça-feira (5), no Congresso Nacional, em Brasília.

Em sua fala, o secretário destacou o propósito da carta inicial dessa frente, que conta com o apoio de cerca de 300 parlamentares. A iniciativa cobra um planejamento estratégico da matriz energética brasileira por parte do governo federal.

“Em São Paulo, fizemos o Plano Paulista de Energia, que projeta a matriz estadual em 2020 com 69% de energia renovável frente aos 56% de hoje”, afirmou José Aníbal.

“O propósito é uma estratégia de longo prazo capaz de garantir segurança energética, preços competitivos e defesa das potencialidades do país. Sobretudo quanto às renováveis, com destaque para o setor sucroenergético, todo ele fundado em produção e conteúdo local.”

Para o secretário, a frente, presidida pelo deputado federal Arnaldo Jardim, será decisiva para a desobstrução de canais de diálogo e deve abrir o debate para todos os setores envolvidos com energia.