20/08/2015

Nova Frente Parlamentar de Apoio à Mineração é lançada na Assembleia Legislativa de SP

Com o slogan “Renovando o compromisso com o desenvolvimento sustentável da indústria mineral paulista”, foi relançada na manhã desta quinta-feira, 20 de agosto, a Frente Parlamentar de Apoio à Mineração. Participaram da cerimônia, o presidente da frente, deputado Roberto Morais, além dos nove membros, deputados estaduais, membros apoiadores e executivos das empresas do setor. Representando o governador Geraldo Alckmin, participou o vice-governador Márcio França.

“Estamos identificando permanentemente os gargalos deste setor e queremos ouvi-los para que nos ajudem a encontrarmos as soluções necessárias. Para o país retomar a geração de emprego precisamos da construção e para isso necessitamos da mineração”, comentou Meirelles.

Lançada pela primeira vez em novembro de 2006, sob a iniciativa do então deputado João Caramez, que a coordenou até o início de 2015, juntamente com o deputado Samuel Moreira, seu vice-coordenador, a FPAM dá sequência aos trabalhos já desenvolvidos em outras legislaturas, na busca de soluções para os problemas enfrentados pelo setor mineral paulista.

“Os empresários do setor encontram aqui na Alesp um excelente parceiro para a regulação, segurança jurídica e comunicação positiva desta atividade que é essencial para a vida das pessoas”, ressaltou o vice-governador.

Várias medidas defendidas pela frente foram efetivadas, a exemplo da criação da subsecretaria de Mineração, na Secretaria de Energia, órgão essencial para o planejamento estratégico dessa atividade. Com a nova constituição, ela dará sequência a esse trabalho, na busca de soluções para os entraves que o setor enfrenta, de forma a garantir o suprimento contínuo e seguro de recursos minerais para essa e para as futuras gerações.

“Temos um novo subsecretário, José Jaime Sznelwar, que dará um novo dinamismo à pasta”, informou Meirelles. “O Governo de São Paulo está aberto e quer propostas desta Frente Parlamentar e dos empresários da mineração para poder fomentar este setor”, destacou.

Mineração em São Paulo
São Paulo é o terceiro maior produtor de bens minerais do país e o maior consumidor de insumos da cadeia da construção civil.  É também o maior produtor de equipamentos e insumos para a indústria mineral. Movimentou US$ 1 bilhão em 2014, empregando mais de 200 mil trabalhadores.

O Estado possui mais de 2.800 minas em operação, com 95% de produção em areia, brita, calcário e argila. Só a região Metropolitana de São Paulo recebe, diariamente, mais de 4.500 carretas de areia. Diferentemente de outros estados, predominantemente exportadores, São Paulo é o destinatário final destes insumos, gerando riqueza e renda local.

Membros da FPAM

Membros efetivos:
1. Roberto Morais – Coordenador
2. Ana do Carmo
3. Carlão Pignatari 
4. Carlos Cezar 
5. Davi Zaia 
6. Ed Thomas 
7. Edmir Chedid 
8. Estevam Galvão
9. Itamar Borges 
10. Roberto Engler 
11. Roberto Massafera 
12. Ramalho da Construção

Membros Apoiadores
1. André do Prado 
2. Antonio Salim Curiati
3. Barros Munhoz 
4. Edson Giriboni 
5. Fernando Cury 
6. Hélio Nishimoto 
7. Jorge Caruso 
8. Leci Brandão 
9. Luiz Carlos Gondim 
10. Orlando Morando