05/01/2016

Consumo de energia pelas indústrias cai 8,9% em novembro

O consumo de energia pelas indústrias do país caiu 8,9% em novembro, de acordo com boletim divulgado nesta segunda-feira (4) pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE). Foi o maior recuo do ano passado, com retração em todos os setores pesquisados.

No geral, a queda do consumo de energia no penúltimo mês de 2015 foi de 4,4%, com retração também nos segmentos comercial e residencial. Em novembro, o consumo nacional de energia foi de 39.128 gigawatts-hora (GWh).

Segundo a EPE, o mau desempenho do segmento industrial foi puxado pelos resultados negativos do Sudeste (-10%) e Nordeste (-12,9%).

A indústria de extração de minerais teve a primeira queda do ano, de 0,6%, com impactos do acidente da Samarco em Mariana (MG), “que paralisou a produção de algumas unidades extrativas”, informou a EPE, em sua Resenha Mensal do Mercado de Energia Elétrica.

O consumo comercial de energia caiu 2,6% em novembro, apresentando o pior desempenho do ano. “Entre os fatores que explicam o resultado ruim, está o quadro econômico de baixa atividade e de incertezas no cenário de curto prazo”, analisa a estatal.

Já o consumo pelas residências caiu 2,2%, no sétimo recuo consecutivo de 2015. Para a EPE, as altas tarifas e as temperaturas mais amenas contribuíram para o resultado.