27/01/2016

Oferta de gás natural nacional avançou 3,9% em 2015

Maior mercado foi o de geração termelétrica, responsável por 43% de toda a demanda do insumo

A oferta de gás natural nacional em 2015 cresceu 3,9%, informou a Petrobras nessa terça-feira, 26 de janeiro, alcançando 44,93 milhões de metros cúbicos ao dia em média. Somadas a importação do insumo vindo da Bolívia de 32,06 milhões m³/ dia e os 18,04 milhões de m³/dia de GNL processados nos terminais da empresa, a oferta total chegou a 95,03 milhões de m³ ao dia, em média.
Desse volume, o maior mercado consumidor, com pouco mais de 43%, ou 41,04 milhões de m³ foram destinados à geração termelétrica em decorrência do alto volume de despacho ordenado pelo ONS.

Segundo o balanço da Petrobras, a demanda total pelo insumo no mercado consumidor brasileiro foi de 93,30 milhões de m³ ao dia em média, uma redução de 0,9% em relação ao mesmo período de 2014 que ficou em 94,17 milhões de m³/dia. Ao mercado não termelétrico foram destinados 37,54 milhões de m³/dia. Já o consumo interno da Petrobras em suas refinarias e fábricas de fertilizantes ficou em 14,72 milhões de m³/dia. Por sua vez o consumo no sistema de transporte de gás natural foi de 1,73 milhão de m³/dia, em média.