23/03/2016

EPE confirma leilão A-5 para final de abril

Segundo Tolmasquim, demanda será pequena, mas modelo prevê que o governo ofereça oportunidade de contratação

A Empresa de Pesquisa Energética confirmou que será realizado no próximo dia 29 de abril o leilão A-5, mesmo as distribuidoras estando com um cenário de sobrecontratação. Segundo Mauricio Tolmasquim, presidente da EPE, a demanda deverá ser pequena, mas isso não inviabiliza a realização do certame.

“O modelo prevê a gente oferecer a oportunidade. As distribuidoras estão sobrecontratadas na média, mas tem umas que estão muito e outras que precisam contratar”, disse o executivo em evento da Embaixada Britânica, que aconteceu nesta terça-feira, 22 de março, no Rio de Janeiro.

Sobre o preço-teto do leilão, Tolmasquim afirmou que sempre leva em consideração na hora de estipular o valor a situação do país no momento da realização do certame. “A taxa de câmbio, o financiamento, qual o valor das taxas do BNDES, das taxas do setor privado. A gente, recentemente, aumentou a taxa interna de retorno. O preço-teto tem que estar sintonizado com a situação. É claro que depois a competição leva o preço para o ponto certo”, analisou.

O executivo comentou ainda sobre o problema da transmissão. Segundo Tolmasquim, se o próximo certame, marcado para o dia 13 de abril, for um sucesso, a preocupação com a transmissão diminui. “Foram feitas várias modificações no contrato para atrair o investidor, para dar mais segurança e aumentar a taxa de retorno”, comentou.