03/06/2016

ONS atua e queda de 13 torres de transmissão em SP não provoca interrupção de carga

Ocorrência foi nas regiões de Ilha Solteira, Bauru, Araraquara e Campinas e poderia deixar 2,5 milhões de consumidores sem energia

O Operador Nacional do Sistema Elétrico revelou, em nota à imprensa, que o forte temporal que atingiu o estado de São Paulo no final da tarde da última quarta-feira, 1º de junho, causou a queda de 13 torres de transmissão de alta tensão nas regiões de Ilha Solteira, Bauru, Araraquara e Campinas. Com isso, ocorreu o desligamento, por atuação dos sistemas de proteção, de sete circuitos que fazem parte do sistema de transmissão responsável pelo escoamento da geração hidráulica localizada no estado de São Paulo para a capital e várias cidades da região.

Medidas operativas tomadas pelo ONS, em conjunto com os agentes da região, para redespacho de geração e adoção de novos limites operativos, permitem assegurar as condições de segurança e confiabilidade adequadas para o suprimento, até que sejam restabelecidos os equipamentos afetados. Mais de 2,5 milhões de consumidores na região poderiam ter sido afetados por um desligamento deste porte.

Foram desligados seis circuitos de 440 kV da Cteep, entre as subestações de Bauru e Oeste (2), Bauru e Cabreúva, Bauru e Salto e Ilha Solteira e Mirassol (2), além de um circuito de 500 kV de Furnas entre Araraquara e Campinas. Essas ocorrências foram suportadas pelo sistema elétrico sem provocar cortes de carga de consumidores, que continuaram sendo supridos pelos demais equipamentos que permaneceram em operação.