01/09/2016

EPE quer melhorar processo de habilitação dos leilões

Fonte: Canal Energia

A Empresa de Pesquisa Energética quer melhorar o processo de habilitação nos leilões, seja de geração, seja de transmissão de energia. Luiz Barroso, presidente da EPE, avalia que o processo deve ser capaz de trazer o investidor com qualidade para o sistema elétrico brasileiro.

Em paralelo a isso, a EPE pretende dar maior transparência à informação e comunicação com o mercado. “A EPE vai criar um encontro da EPE com investidores, com o mercado financeiro. Vamos trabalhar e fazer workshops prévios aos leilões para disseminar a informação”, declarou o executivo, que participou nesta quarta-feira 31 de agosto, do Brazil Windpower, que acontece no Rio de Janeiro. A ideia, comentou, é explicar aos investidores como as regras funcionam e os benefícios de se investir no mercado brasileiro.

Além de precisar de mais investidores, principalmente no segmento de transmissão, o país precisa ainda aumentar suas formas de financiamento. Barroso afirma que uma ideia seria ter PPAs em dólar. Segundo o executivo, existe muito dinheiro barato disponível em fundos de investimento europeus. “Esse dinheiro migra para países que oferecem recebíveis em dólar, porque o risco cambial de longo prazo é muito difícil e o Brasil tem ficado de fora desse mercado”, aponta. No entanto, ele frisa que essa não é uma ideia que está sendo estudada pelo governo, mas apenas uma ideia “fora da caixa”.