17/01/2017

CPFL Paulista instala usina solar em hospital de Campinas

Fonte: Canal Energia

Sistema fotovoltaico de R$ 491 mil deve reduzir em 10% valor da conta de energia

instalação_placa_fotovoltaica

A CPFL Paulista (SP) investiu R$ 491 mil na instalação de uma usina de geração de energia fotovoltaica no Hospital Boldrini, em Campinas (SP). A usina usa 276 painéis solares para gerar energia limpa, que será consumida pelo hospital. A cerimônia de entrega do projeto foi realizada nesta sexta-feira, 13 de janeiro. Uma iniciativa do Programa de Eficiência Energética, o projeto de geração solar fotovoltaica do Centro Infantil Boldrini contempla um sistema de painéis solares com uma capacidade instalada de 70 kWp, gerando em torno de 108 MWh/ano. O Centro Infantil Boldrini é o maior hospital especializado na América Latina, que há 39 anos atua no cuidado a crianças e adolescentes com câncer e doenças do sangue.

Essa energia é suficiente para abastecer por um ano 44 residências, com consumo mensal de 200 KWh. A iniciativa deve reduzir em aproximadamente 10% o valor da conta de consumo de energia do hospital. A energia gerada pela usina contribuirá para evitar a emissão de 135 toneladas de CO2, um dos principais agentes causadores das mudanças do clima. Para efeito de comparação, essa quantidade de CO2 que não é lançada na atmosfera representa para a natureza o mesmo que o plantio de 810 novas árvores.

De acordo com o Gerente de Eficiência Energética da CPFL Energia, Luiz Carlos Lopes Júnior, ao patrocinar projetos como do Centro Infantil Boldrini, se contribui para o desenvolvimento das fontes renováveis de energia e para a expansão da geração distribuída solar do país, que tem grande potencial de expansão na área de concessão da CPFL Paulista. Esta é a segunda etapa de investimentos no hospital, que já contou com a substituição de todas as lâmpadas para a tecnologia LED. Ao todo foram instaladas 6.200 lâmpadas LED, com um investimento de R$ 530 mil, e uma economia de 969 MWh/ano.

Além dos investimentos do PEE, o Grupo CPFL Energia vem desenvolvendo iniciativas paralelas para fomentar a geração distribuída solar. Por meio do projeto de Pesquisa & Desenvolvimento Telhados Solares, o Grupo está promovendo a instalação de painéis solares em 230 consumidores na região de Barão Geraldo, em Campinas, ao custo de R$ 14,8 milhões. Além disso, por meio da controlada CPFL Eficiência, também desenvolve projetos de geração solar para indústrias e comércios.