09/01/2017

Operador Nacional do Sistema projeta aumento de 5,8% na carga em janeiro

Fonte: Canal Energia

Nível operativo dos reservatórios no SE/CO deve chegar a 43,3% ao final do mês

linhastransmissao

A previsão de variação de carga para janeiro no Sistema Interligado Nacional fica praticamente inalterada. De acordo com dados do Informativo do Programa Mensal da Operação do Operador Nacional do Sistema Elétrico, ficará em 5,8%, nível 0,1% acima da previsão anterior, de 5,7%. No submercado Sudeste/ Centro-Oeste, a carga em janeiro fica 6,6%. No Sul, chega a 2%; no Nordeste alcança os 9,4% e na região Norte, vai ser de 1,4%. A média semanal do valor esperado para o Custo Marginal de Operação para o Nordeste deve ser de R$ 159,82/ MWh. Nas demais regiões, o CMO médio esperado fica em R$ 80,42/ MWh.

As projeções de chuvas nos reservatórios das hidrelétricas do Sudeste/ Centro-Oeste indicam que ela ficará em 78% da média de longo termo. , a previsão é melhor que a última, que indicava que elas ficariam em 72% da média histórica. Ainda de acordo com o ONS, a previsão para a região Sul chega a 201%, maior que a anterior, de 115%, enquanto no Nordeste, que enfrenta um regime hidrológico severo, tem uma piora para 32%, menor que os 41% esperados. Para a região Norte, a expectativa de ENA deve ser de 45%, inferior aos 63% previstos.

No fim do mês, o nível operativo no SE/CO deve chegar a 43,3%. No Sul, a expectativa é de um volume de operação de 83,8%, enquanto na região Nordeste, deve chegar a 20,5%. Para o Norte do país, o IPMO indica volume operativo de 25,7%.