28/03/2017

Meirelles apresenta na Fiesp a política energética paulista e a relação com o meio ambiente

Fonte: Secretaria de Energia e Mineração

Cosema debateu a utilização de gás natural na indústria e a possibilidade de introdução das energias renováveis

Meirelles participa de reunião do Cosema onde apresentou a política energética paulista

O secretário de Energia e Mineração, João Carlos Meirelles, participou nesta terça-feira, 28 de março, da reunião do Conselho de Meio Ambiente da Fiesp – Cosema, onde apresentou o plano energético do Estado de São Paulo e a sua relação com o meio ambiente.

Além dos projetos de energias renováveis, entre eles a popularização da solar fotovoltáica, a introdução do biometano na rede paulista de gás canalizado e a expansão da geração elétrica a partir da biomassa, o secretário destacou a expansão da produção de petróleo e gás no estado.

“Aprovamos no Cepe (Conselho Estadual de Política Energética) o plano de expansão do gás canalizado do estado junto com as concessionárias Comgás, GasBrasiliano e Gás Natural Fenosa. Até 2029 vamos ampliar de 143 para 285 o número de municípios atendidos com gás canalizado. Isso representa uma excelente oportunidade para as empresas do estado”, destacou Meirelles.

Segundo Meirelles, São Paulo continua ampliando sua produção de petróleo, principalmente do pré-sal, o que já levou o estado de décimo produtor a terceiro em 2016. “Este ano devemos atingir a marca de segundo maior produtor do país”, disse.

Após a apresentação o secretário participou de um debate com os conselheiros liderado pelo presidente do Cosema, Walter Lazzarini, do vice-presidente, Celso Monteiro de Carvalho e do diretor titular adjunto do Departamento do Meio Ambiente da Fiesp, Mario Hirose. 

O Conselho Superior de Meio Ambiente (Cosema) é o órgão técnico da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), voltado para debater ideias e propostas sobre a estrutura e conjuntura nacionais, promovendo a interação da Fiesp com os temas ligados ao Meio Ambiente.