03/07/2017

Aneel confirma bandeira amarela em julho

Fonte: Canal Energia

Com essa sinalização a conta de luz terá a cobrança adicional de R$ 2 a cada 100 kWh consumidos pelos consumidores no mercado regulado

conta_de_luz_bandeira_amarela

A Agência Nacional de Energia Elétrica confirmou que a bandeira tarifária em vigor para o mês de julho será a amarela. Com isso há o acréscimo de R$ 2,00 a cada 100/kWh na conta de luz de todos os consumidores do mercado regulado. Mais cedo o Operador Nacional do Sistema Elétrico já havia apontado que o custo marginal de operação havia aumentado para além do limite de R$ 211,28/MWh, patamar limítrofe entre o acionamento térmico dentro da ordem de mérito na bandeira amarela e a verde. No relatório do Programa Mensal de Operação (PMO), o valor da usina térmica mais cara em operação é de R$ 237,71/MWh.

No mês passado a bandeira tarifária foi a verde, quando não há cobrança da taxa extra. Essa sinalização em abril e maio estava no primeiro patamar de bandeira vermelha, cuja cobrança extra é de R$ 3 a cada 100/kWh consumidos e é acionada quando o custo de operação for igual ou superior a R$ 422,56/MWh e inferior a R$ 610/MWh. A partir dessa faixa mais elevada é acionado o segundo patamar da bandeira vermelha que é de R$ 3,50 a cada 100/kWh consumidos.