19/07/2017

Chuveiro com aquecimento a gás gera economia de 24% na conta de luz

Fonte: Comgás

Economia de energia, conforto e segurança são algumas das vantagens para os consumidores

chuveiro a  gas

Os contínuos reajustes nas tarifas de energia elétrica e a falta de previsibilidade do sistema de bandeiras fazem com que o uso dos aquecedores a gás natural para o banho seja uma das alternativas mais vantajosas no combate às altas tarifas pagas pelo consumidor na conta de luz.

De acordo o Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (Procel), em uma casa com quatro pessoas, o uso do chuveiro elétrico representa 24% do custo total da energia consumida.

Considerando as tarifas de água, luz e gás do mês de julho, na prática, um banho utilizando chuveiro elétrico é 20,6% mais caro do que um banho com aquecimento a gás natural. Enquanto um banho de oito minutos em um chuveiro a gás natural custa R$ 0,58, a mesma atividade em um chuveiro elétrico chega a custar R$ 0,70.

Com o gás natural, o consumidor também conta com apenas uma tarifa fixa. Quando utilizado o chuveiro elétrico, o preço varia durante o dia e o banho tomado no horário de pico, das 17h30 às 20h30, pode ser mais caro.

De acordo com o Diretor Comercial da Comgás, Sergio Silva, além da economia, as pessoas buscam o conforto na hora de escolher o banho com aquecedor a gás natural. “O banho com esse tipo de equipamento é amplamente utilizado em todo o mundo, principalmente na Europa. Desde 2004, quando começamos o projeto do chuveiro aquecido com o uso do gás natural, as pessoas vêm buscando um banho de ‘hotel’, com mais vazão, conforto, modernidade, economia, praticidade e segurança”, afirma o executivo.

“Além desses benefícios, o consumidor ainda conta com suporte técnico quando utiliza o gás natural. Tanto para emergências, 24 horas, quanto para instalações e resolução de demandas técnicas”, finaliza Sergio Silva.

A troca de sistema é simples e o mercado possui uma ampla gama de fabricantes e instaladores credenciados. Para quem não possui a rede hidráulica de água quente, é necessário providenciar a construção desse sistema na área de serviço, onde fica localizado o aquecedor, para que a água chegue até o banheiro, onde está a ducha.
Além de chuveiros e fogões, há diversas outras aplicações para o gás natural. Equipamentos como geradores de energia, lareiras, churrasqueiras, fornos de pizza, secadoras, tocheiros e até aquecedores de piscina possuem versões a gás natural.

Sobre o gás natural

O gás natural é utilizado em residências, no comércio, em indústrias e veículos, para inúmeras aplicações, incluindo a geração e cogeração de energia. Tem fornecimento contínuo, garantindo a produtividade em indústrias e comércios, e mais conforto a clientes residenciais.

Devido à sua composição, o gás natural produz queima limpa e uniforme, com muito menos fuligem, particulados e outras substâncias que prejudicam o meio ambiente. É um energético limpo que gera baixíssima emissão de poluentes e melhora sensivelmente as condições ambientais, contribuindo para a redução de emissões dos gases de efeito estufa (GEE).

O gás natural também garante mais segurança. Por ser canalizado, não precisa ser transportado nem armazenado em botijões, cilindros ou centrais de abastecimento. Na prática, retira das ruas centenas de caminhões então utilizados para o transporte de combustíveis como GLP (gás de botijão, diesel, lenha). Mais leve que o ar, o gás natural dissipa-se com mais facilidade em caso de vazamento.

Sobre a Comgás

A Companhia de Gás de São Paulo (Comgás) trabalha para ser a melhor alternativa energética para as pessoas, as empresas e a sociedade, oferecendo serviços e soluções que antecipam o futuro.

Com fornecimento ininterrupto e atendimento 24h, a Comgás atende mais de 1,7 milhão de clientes em sua área de concessão no estado de São Paulo: a Região Metropolitana de São Paulo, a Região Administrativa de Campinas, a Baixada Santista e o Vale do Paraíba.

A Companhia possui mais de 15 mil quilômetros de rede de distribuição em 87 municípios, abastecendo com gás natural os segmentos industrial, comercial, residencial e automotivo, além de viabilizar projetos de cogeração e fornecer gás para usinas de termogeração.