09/08/2017

Mercado de carros elétricos faz procura por lítio aquecer em todo mundo

Fonte: Petronotícias

carros_eletricos

Uma disputa pelos maiores players do mercado de lítio do mundo para garantir  o fornecimento do metal de alta tecnologia está se acirrando no na  indústria de mineração australiana. Um mercado de US$ 90 bilhões. A crescente demanda chinesa por baterias de íons de lítio necessários para veículos elétricos e armazenamento de energia,  está gerando ganhos de preços significativos e um boom de ativos na Austrália, já o maior produtor de lítio do mundo. O hub de desenvolvimento rápido está atraindo investimentos e negócios de produtores  globais, bem como fabricantes de produtos químicos para bateria na China, o principal consumidor.

A Austrália tem quatro minas em produção e três novos projetos que estão avançados para começar a produção. É provável que os países produtores  continuem com  as ofertas para garantir o fornecimento nos próximos 20 ou 30 anos, de acordo com o consultor Benchmark Mineral Intelligence.

Simon Moores, diretor-gerente da Benchmark Mineral  disse que  “Há empresas sérias que investem e as pessoas estão começando a bloquear os maiores recursos de longa vida. A questão é  quem é o próximo? É uma conquista de terras como na indústria do petróleo quando as petroleiras se aproximaram do  Oriente Médio nas décadas de 1960 e 1970” .

Veja os maiores produtores de Lítio no mundo:

A Greenbushes, na Austrália,  maior mina de lítio do mundo, está sendo ampliada para duplicar a capacidade anual, Ela pertence a uma joint venture  formada pela a China Tianqi Lithium  e  a North Carolina’s Albemarle.  Esta mina  já representa cerca de 30% da produção mundial de lítio, de acordo com o governo australiano. Tianqi também está planejando cerca de US$ 578 milhões em expansões de plantas de processamento. A Jiangxi Ganfeng Lithium, que tem interesses em projetos em países como Irlanda e Argentina, detém cerca de 43% do Monte da Austrália. A Marion aprovou um acordo para investimento com a Pilbara Minerals no desenvolvimento de minas. A fabricante de baterias Shaanxi J & R Optimum Energy, acaba de assinar  um acordo sobre a produção futura do projeto da Altura Mining.

A Quimica & Minera de Chile, o maior fornecedor de lítio do mundo, fez um primeiro  investimento  fora da América do Sul para investir cerca de US$ 110 milhões em 50% do Kidman Resources,  com o objetivo de entrar em produção na Austrália.  Os preços do carbonato de lítio, a principal base química produzida pela indústria, mais do que duplicaram nos últimos cinco  anos até 2016, de acordo com a UBS Group. O material teve um aumento de  cerca de 5 %, equivalendo hoje a uma média de US$ 14.250 por tonelada métrica. Preço de  julho em relação ao mês anterior.

Os carros elétricos superarão os veículos movidos a combustível fóssil em duas décadas, à medida que os preços das baterias caírem, estimativas da Bloomberg New Energy Finance. Os maiores fabricantes de automóveis do mundo estão se juntando à corrida para garantir matérias-primas.