13/11/2018

Califórnia promete gerar 100% de energia limpa até 2045

Fonte: Pensamento Verde

A Califórnia é considerada o quinto estado com maior economia no mundo, e atualmente, comprometeu-se 100% a gerar uma energia totalmente limpa até 2045, sem emissão de gás do efeito estufa.

A iniciativa e decisão foi assinada por Jerry Brown, governador do estado. A lei posiciona a Califórnia entre as líderes mundiais em práticas sustentáveis. Além disso, Jerry assinou uma ordem executiva que exige neutralidade de carbono em todo o estado.

Segundo o governador, essa nova lei fará com que a Califórnia esteja no caminho de cumprir os objetivos do Acordo de Paris e, inclusive, ir muito além no que diz respeito ao aquecimento global.

Além disso, Jerry Brown admite que será assustador enfrentar tal problema, e diz ainda que não será de imediato, mas que é algo que deve ser feito. Inclusive, a Califórnia está comprometida em fazer o que for necessário para enfrentar a ameaça da mudança climática.

As ações tomadas são colocadas em posição direta ao governo republicano liderado pelo presidente, Donald Trump, que desistiu do acordo de Paris ano passado e deixou claro que as preocupações ambientais não são prioridades para seu plano de governo.

A Califórnia junto ao Havaí, uniram-se como estados norte-americanos, desviando-se da agenda nacional para definirem suas próprias metas ambientais isento de combustíveis fósseis e carbono.

Em um primeiro momento, as empresas de energia elétrica devem obter 60% de sua energia até 2030 por meio de fontes renováveis ou livres de carbono. A ideia é que até 2045 elas tenham alcançado os 100%.

Os fabricantes do projeto de lei esperam que essa meta seja atingida em 2045, já que o estado está no caminho para atingir. No ano passado, 32% das vendas de energia comercial foram compradas de fontes renováveis. Então há esperança de crescimento.

No entanto, a Califórnia ainda luta para igualar a oferta de demanda, e um aumento nos sistemas de armazenamento de energia precisará ocorrer para que a energia limpa seja armazenada de forma eficaz, sendo disponibilizada durante os períodos de pico de demanda.

Segundo especialistas, as energias solares e eólicas representam 8% da produção de eletricidade nos Estados Unidos, e quase 20% na Califórnia.

A lei protegerá o meio ambiente e impulsionará a economia da Califórnia, criando milhares de postos de trabalho.
Outros países

Outros vinte países tomaram decisões semelhantes, mas nenhum possui o peso político da Califórnia, o estado mais habitado dos Estados Unidos, com 40 milhões de habitantes